sábado, 1 de setembro de 2012

POETRIX E AMADEO MODIGLIANI


(Desative o MUSIC-PLAYER [!!] na coluna à esquerda)


* * * * *

ESPÚRIA CONJUGAÇÃO

pilha - crocodília descarada
pulhas - como fosse o mundo deles
pilham - e não dizemos nada...


TELÚRICA

A pá_lavra lavra a prata,
pois_ia na pauta da flauta
- tocar o solo do dia...


DANTESCO

o ser da História:
pão-de-fel e apocalípse
- eclampsia e eclipse.


LUA-NOVA NO POLO NORTE

Com tanta beleza no mundo
um dia vou deixar de ser jumbo
- e vôo fundo...



POEMA SOBRE O CIO

há poemas em que leio o que a mão escreveu
em outros, como cigano,
a mão que se abriu.


NO ALFINETE

toda a escrita
na cabeça
uma pepita


ILHA DA FANTASIA

está vendo aí, meu povo?
nem a galinha nem o ovo.
- começar tudo de novo.


DEMAGOGIA

A_versão e o fato
Entre a voz e o ato
há um hiato


ENTRE O PROFESSOR E O ALUNO

entre_tantos perdidos e achados, no espaço,
deve haver
um elo perdido...e um traço.


FLORES DO CAMPO

de manhã, fui vê-las
choveu a noite toda
- chuva de estrelas...




CURTO E GROSSO

sobre o pescoço,
há uma cabeça
ou um caroço?


PAR OU IMPAR

vou perder os meus medos
vou colocar a minha sorte
em seus dedos.


                   F
                   r 
                   e
                   s 
                   c 
                   a fonte. Quero outra / para escrever: / - RINOCERONTE!


REMINGHTON RAND

M A K T U B
B R I C K A B R A C K
A B R A C A D A B R A


AGORESCE, CÚMULOS E NIMBOS

manhã opaca, sono dormita,
nimbos e pingos,
o sol vomita nos postes amarelas luzes.


ALEGRIA ALEGRIA

você tem
um farfalhar no riso...
- são guizos?...


EXATO SER

Na concretude da minha exatidão,
oh!!! ingenuidade,
eu sou mais passarinho.


CHEIA DE ESTRELAS

havia o mundo
entre a via
e a Via.

Marco Bastos





    
                                                                                                                            


4 comentários:

Jorge Sader Filho disse...

Parece, é a impressão que tenho, ter entrado em algum centro cultural e estar assistindo a uma retrospectiva, e não uma postagem.
A razão é simples: Marco construiu um blog sério, onde a gratuidade não é permitida.
Abraço,
Jorge

Mardilê Friedrich Fabre disse...

Teus poetrix, Marco, são genias. Abrs. Mardilê

Luiz de Almeida disse...

Dileto Marco:

Congratulações. O Blog está simplesmente maravilhoso. Um êxtase.
Abraços e:
"ESTEJA E SEJA E FIQUE FELIZ!"
Luiz de Almeida [blog Retalhos do Modernismo]

Mangela disse...

Olá Marco! Obrigada pelo convite, e já aceitei =). Ficou Magnífico seu blog, é verdade, um passeio com a arte.Parabéns, adorei. um abraço Maria Angela.